O que é Stress

Stress ou estresse (na versão em português), possui várias definições diferentes, e todas podem nos auxiliar a entender melhor esta característica da vida, que pode se tornar um problema grave de saúde.

Segundo Lipp, a palavra stress já era utilizada no século XVII para referir-se a situações de opressão e adversidade. A partir do século XVIII aproveitando-se de conceitos da física, o termo stress passa a se popularizar e ser utilizado para expressar a ação de uma força, pressão ou influencia muito forte sobre uma pessoa, causando-lhe uma deformação, como ocorre quando colocamos um peso muito grande sobre uma viga, fazendo com que este se dobre.

Podemos notar que esta noção de stress continua sendo utilizada até hoje, pois sempre que nos sentimos sobrecarregados, sob muita pressão ou carregando um peso muito grande, dizemos que estamos estressados.

Sob a ótica da saúde, podemos definir stress (ou estresse) como sendo um mecanismo natural, de reação psicofisiológica, com finalidade de sobrevivência, que nos prepara para enfrentar desafios e nos adaptar a mudanças em nossas vidas e em nosso mundo.  Para Selye stress é uma reação não específica, resultante de qualquer demanda colocada no organismo, seja o efeito mental, ou o efeito físico.

Resumindo

A definição que melhor resume o que significa stress é dada por Lipp, que define stress como: “uma reação do organismo com componentes físicos, psicológicos, mentais e hormonais gerada pela necessidade de lidar com algo que, naquele momento, ameace a estabilidade mental ou física da pessoa.

Desta forma podemos perceber que cada fase da vida possui as suas dificuldades e particularidades as quais necessitamos lidar e nos adaptar, fazendo com que experiências e transtornos desencadeados pelo stress possam ser encontrados em todas as idades, casses sociais, sexo, etc.

Devido as exigências e inconstâncias de nosso dia a dia, a incidência de stress na população vem aumentando muito, sendo que pesquisas recentes têm apontado uma incidência de stress em 35% da população em geral.

Fonte:  Psicoterapias- Abordagens Atuais. Aristides V. Cordioli. Ed. Artmed
                   Relacionamentos Interpessoais no sec. XXI e o stress emocional. Marilda Lipp. Ed Sinopsys

Assista também a este vídeo sobre o tema